PÁGINA DOS COROINHAS

 

 

MARIA, NOSSA MÃE!

        

          Era uma linda manhã de maio. Clara percebeu que algumas senhoras faziam flores, outras ensaiavam cantos marianos, as crianças provavam roupas de anjo... Ela não estava entendendo toda aquela movimentação, mas, pelos preparativos, percebia que ali na igreja ia ter uma grande festa.

          Sua mãe notou a cara de interrogação da filha. Colocou-a no colo e começou a falar:

 

          "Na cidade de Nazaré, na Galiléia, morava o casal Joaquim e Ana. Eles deram à humanidade uma linda criança chamada Maria. Essa menina era assim como você. Gostava de rezar, ir às peregrinações com seus pais e ouvir a palavra de Deus. Crescia no amor, na fé e na confiança de que Deus enviaria um Salvador para libertar o povo de Israel.

 

       

          Maria era, de fato, muito especial. Por volta dos seus 14 anos, Deus a escolheu para ser a mãe de seu Filho. Ela disse 'sim' a esta proposta. Jesus, no momento em que estava morrendo na cruz, nos confiou a ela como filhos. Assim, ela é a mãe dele e também a nossa.

         Quando Jesus foi para junto de Deus, Maria continuou com os discípulos. Animando-os e rezando com eles. Depois ela também foi para Deus e de lá cuida de nós. Desde as primeiras comunidades cristãs, ela é lembrada, amada, admirada e invocada com os mais diversos nomes. É modelo de mãe, esposa, mulher...

         Minha filha, nos expressamos gratidão a Maria quando ajudamos as pessoas e, também, rezando o rosário. Ele é uma coroa de rosas que ofertamos à mãe de Jesus e nossa mãe. No mês de maio, em muitos lugares, há manifestações de amor e carinho a ela".

        

 

fonte: revista Família Cristã

 

 

voltar